Ibirité

ibiriteA história do município de Ibirité remonta aos séculos XVII e XVIII, com início das primeiras entradas e bandeiras nas áreas centrais da capitania das Minas Gerais, no intuito de descobrir ouro. A corrida do ouro ocasionou o surgimento de várias cidades, onde se empregava grande contingente de mão de obra escrava. Consequentemente, os escravos e as pessoas que se deslocaram para estas paragens precisavam de uma provisão de víveres para se manterem, evidenciando o surgimento de fazendas especializadas no cultivo de gêneros alimentícios e criação de gado.

Em 1880, foi criado o povoado da Vargem da Pantana, na freguesia de Contagem, Município de Sabará. 10 anos depois, assumiu a categoria de Vila e outros 7 anos levou para passar a pertencer ao Município de Santa Quitéria (Esmeraldas).

O povoamento inicial ocorreu ao longo do ribeirão do Pantana, às margens da futura MG - 040 e da Estrada de Ferro Central do Brasil – EFCB. O funcionamento da EFCB e a inauguração da estrada de rodagem (que ligava a Capital ao sul de Minas e à São Paulo, canal de movimentação de pessoas e produção agrícola) promoveram o desenvolvimento e trouxeram novas famílias que trabalhavam em empreendimentos diretamente ligados a essas vias de transporte e acabavam por residir na região com seus descendentes.

Em 1923, tem sua denominação mudada para Ibirité, palavra indígena que significa “Terra Firme”, “Chão Duro”, mas só se transforma em Município aos 20 de Dezembro de 1962 e se emancipa em 21 de Dezembro de 1995. Com a instalação do Distrito Industrial em 1996, o município inicia a diversificação da economia, fortalecendo principalmente o Setor de Serviços.